Comissão debate discriminação religiosa na UFMG

10 Apr 2013

A comissão de Direitos Humanos da Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG) recebeu, na manhã desta quarta-feira,10 de abril, o estudante de música da UFMG Heitor Vicente Corrêa, que foi vítima de intolerância religiosa na universidade. O jovem, da comunidade religiosa Sikh Dharma, relatou que foi obrigado a retirar o turbante, que faz parte da vestimenta da religião, durante a segunda etapa do vestibular, no início do ano. “Me levaram para uma sala isolada e disseram que eu não era obrigado a fazer a prova, assim como eles não eram obrigados a aceitar o turbante”, contou Heitor, que precisou, ainda, esperar que todo o prédio fosse evacuado antes de deixar a sala da prova. A audiência pública para debater tolerância religiosa foi requerida pelo presidente da Comissão.

 

Leia a matéria completa no site www.durvalangelo.com.br

 

 

 

Please reload

Categorias
Posts Recentes

July 29, 2020

Please reload

Arquivo
Please reload

Tags